exposição

simplex machina

A exposição Simplex Machina é o resultado de trabalhos realizados por diversos calouros do curso de Design da FAUUSP, de turmas variadas.
Os alunos de design enfrentam, no primeiro semestre, o desafio de propor estruturas cinéticas capazes de transformar os ambientes nos quais estão inseridas, graças à exploração de recursos extraídos de distintas materialidades.

primeira mostra de arte cerâmica no maria antonia

Em setembro no Maria Antonia acontece a 1ª Mostra de Arte Cerâmica, com curadoria de Carlos Augusto Rossi de Almeida e Cibele Nakamura. A mostra homenageia a artista Norma Grinberg e conta com grande variedade temática, técnica e de materiais, além de grandes nomes que representam a cerâmica artística brasileira e peças de autoria de artistas da nova geração da arte cerâmica.

RE VOU VER

O projeto RE VOU VER disponibiliza ao público o acervo mantido pelo Centro Universitário Maria Antônia em todo o seu período de funcionamento. Nesta realização há um resgate da memória dos confrontos travados em 1968 no local, além disso, recupera-se um evento referente a esse acontecimento realizado pelo centro há quase uma década, a exposição 1968 Vou Ver.

+arte+cultura

O Centro Universitário Maria Antonia convida a todos a prestigiar a exposição resultado do concurso cultural “+arte+cultura“ que será aberta no dia 14 de dezembro, junto com sua festa de premiação, às 19h30, que contará também com apresentações de música e dança.
O programa acontece pela primeira vez e busca revelar os talentos do corpo funcional da USP. Dividido nesta primeira edição em 4 áreas – artes plásticas, texto, música e dança – recebeu 153 inscrições de docentes e funcionários técnico-administrativos.

era 90. era?

Em dezembro no Maria Antonia a artista plástica paulistana Laura Cardoso Pereira abre a exposição Era 90. Era?
A exposição se divide em duas partes, sendo a primeira uma série de ilustrações publicadas ao longo dos anos 1990 na coluna que o jornalista político Marcos Sá Corrêa escrevia na revista Veja sobre a chamada Era Collor, que culminou no processo de impeachment do autointitulado “caçador de marajás”. Na segunda parte a artista apresenta uma instalação que aborda o cenário político contemporâneo.

no ar

Segue até 19 de dezembro o projeto Paisagens Fugidias, com No ar, trabalho de Laura Vinci que se realiza a partir da produção de vapor de água em suspensão, instalado numa área a céu aberto com acesso direto à rua em que está sediado o Maria Antonia. A visitação é de segunda a domingo, das 14 às 20h.

24º programa nascente

A exposição Visualidade Nascente integra o conjunto de exposições e apresentações dos trabalhos finalistas do concurso artístico da USP.
No Centro Universitário Maria Antonia, são mostrados os finalistas das áreas de Artes Visuais, Audiovisual e Design.

Páginas

Subscribe to RSS - exposição