transformações recentes em áreas centrais latino-americanas

etiqueta

  • mesa redonda

24 de setembro

terça, 18h30

informações

transformações recentes em áreas centrais latino-americanas

Renato Cymbalista (mediador), Françoise Dureau, Thierry Lulle, Yann Marcadet, Yasna Contreras

entrada franca - 90 lugares
retirar senha 30 min antes

descrição

No dia 24 de setembro, terça, às 18h30, o Maria Antonia, em parceria com o Centro de Preservação Cultural da USP, realiza a mesa redonda Transformações recentes em áreas centrais latino-americanas, com Renato Cymbalista (mediador), Fraçoise Dureau, Thierry Lulle, Yann Marcadet e Yasna Contreras. A entrada é franca, e haverá distribuição de senhas 30 minutos antes do início do evento.

Na última década, as metrópoles latino-americanas passam por processos de transformação significativos em suas áreas centrais. O ciclo de esvaziamento populacional tem sido revertido, e as maiores cidades passam por um processo de crescimento populacional nestas áreas. Há algumas décadas, vem emergindo uma nova atenção do poder público com relação às áreas centrais, com projetos de requalificação urbana que atribuíram novo valor ao tecido urbano consolidado, à rua-corredor, aos espaços públicos históricos e ao patrimônio cultural. Serão debatidas essas transformações recentes e as novas problemáticas que elas trazem, como os riscos de gentrificação e expulsão de grupos populares; o superadensamento e encortiçamento; a extinção dos modos de vida tradicionais.

A mesa está integrada ao simpósio Áreas centrais de metrópoles latino-americanas: transformações e preservações, que acontece no CPC-USP entre os dias 24 e 26 de setembro.

Renato Cymbalista é pós-doutor pela Unicamp e docente do Depto. de História da Arquitetura e Estética do Projeto da FAU-USP. É autor de Sangue, ossos e terras: os mortos e a ocupação do território na América Portuguesa (Alameda, 2011).

Françoise Dureau é doutora em Demografia pelo Institut de Démographie de Paris e diretora honorária de pesquisa do IRD (Institut de Recherche pour le Développement).

Thierry Lulle é pós-doutor em Arquitetura pela École Spéciale d’Architecture (França), professor da Universidad Externado de Colombia e pesquisador do IRD (Institut de Recherche pour le Développement).

Yann Marcadet é doutor em Geografia pela Université de Poitiers (França) e professor da Universidad Anáhuac (México).

Yasna Contreras é doutora em Ciências do Tempo e Espaço pela Université de Poitiers (França) e professora e pesquisadora do Depto. de Geografia da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidad de Chile.