oscar niemeyer e o projeto do espaço moderno

informações

arte e cultura hoje

27 de agosto, 3, 10 e 17 de setembro de 2013

terças, 20 às 22h

curso

oscar niemeyer e o projeto do espaço moderno

Rodrigo Queiroz

R$200

descontos
20% para estudantes e professores
40% para terceira idade

informações
11 3123 5213 / 5214
cursosma@usp.br

programa curso

Um exame da obra de Niemeyer a partir da constatação de que seus espaços, organizados por formas gestuais e ortogonais sobre uma esplanada, resultam de uma clássica composição de figura-fundo, que, ao afastar-se da superfície homogênea resultante da síntese entre forma abstrata, industrialização e planificação urbana que identificou as experiências da vertente construtiva do projeto moderno, revela o ambíguo sentido local e universal de sua arquitetura.

27 de agosto
O projeto do espaço moderno

3 de setembro
O referencial moderno e a autonomia da forma: Ministério da Educação e Saúde (1936), Pavilhão do Brasil na Feira Internacional de Nova York (1939) e Pampulha (1940/1943)

10 de setembro
Da composição à síntese: Pós-Pampulha e Brasília (1944/1962)

17 de setembro
Projetos no exterior e a condição contemporânea da forma moderna (1963/)

Rodrigo Queiroz é arquiteto, professor da FAUUSP e da Escola do MASP, foi curador de exposições sobre arquitetura moderna, tais como Coleção Niemeyer (MAC-USP, 2007), Brasília: a utopia come true (Trienal de Milão, 2010) e Le Corbusier, América do Sul, 1929 (Centro Universitário Maria Antonia, 2012).