a base nacional comum curricular e a literatura infantil e juvenil

informações

curso

05, 12, 19, 26 de abril e 03 de maio de 2018

5ª feiras das 17h às 19h.

curso

a base nacional comum curricular e a literatura infantil e juvenil

Thiago Lauriti

R$200

descontos
20% para estudantes e professores
40% para terceira idade

informações
11 3123 5213 / 5214
cursosma@usp.br

programa curso

A Base Nacional Comum Curricular estabelece conhecimentos, competências e habilidades que se espera que todos os estudantes desenvolvam ao longo da escolaridade básica. Orientada pelos princípios éticos, políticos e estéticos traçados pelas Diretrizes Curriculares Nacionais da Educação Básica, a Base soma-se aos propósitos que direcionam a educação brasileira para a formação humana integral e para a construção de uma sociedade justa, democrática e inclusiva.

Percebe-se, com esses princípios, a necessidade de se encontrar, um ensino que valorize os elementos próprios da cultura, além de incentivar toda comunidade ao convívio com a diversidade cultural e a pluralidade, traços marcantes do cenário étnico e cultural brasileiro.

É com base na urgência dessa formação para o trabalho com um novo marco legal regulatório que as novas tecnologias e com a pluralidade cultural do povo brasileiro que este projeto se constrói, pretendendo dar oportunidade a todos os profissionais que em algum momento se relacionam com a educação de terem acesso não somente a uma quantidade de instrumentais, mas de maneira a garantir a continuidade da sua formação, no sentido de contribuir para a construção de um processo de oportunidades mais justa e igualitária.

Assim, o curso "a base nacional comum curricular e a literatura infantil e juvenil" procura, por meio da atualização dos diversos profissionais da área que trabalham com a Literatura Infantil e Juvenil, oferecer subsídios para o trabalho em consonância com o que a Base Nacional Comum Curricular estipula, promovendo profundas mudanças no mercado editorial, na escola e na sociedade, pois acredita-se que o texto literário seja um grande meio de divulgação da cultura e da formação da identidade cultural de uma nação.

Programa completo

1º ENCONTRO: A Base Nacional Comum Curricular. Marco legal, panorama histórico e a sua relação com a Literatura Infantil e Juvenil.
Estudam-se questões acerca da origem da Base Nacional Comum Curricular e o marco legai além dos fundamentos pedagógicos que possibilitam a Literatura Infantil e Juvenil ser utilizada como um potente instrumento de conhecimento.

2º ENCONTRO: A Literatura Infantil e Juvenil, a escola e sua relação com a Base Nacional Comum Curricular.
Discutem questões acerca da especificidade legal da Base Nacional Comum Curricular com as literárias na formação de leitores mais competentes que, relacionem as práticas de leitura com a produção literária para as crianças no Brasil.

3º ENCONTRO: A Literatura Infantil e Juvenil de Língua Portuguesa. Diálogos culturais entre nações.
Busca-se, por meio da leitura de textos representativos de países de língua portuguesa como Portugal, Brasil, Angola e Moçambique, a verificação de como diferentes culturas expressam seu fazer literário para crianças, transmitindo uma gama incontável de realizações culturais pressupostas na Base Nacional Comum Curricular.

4º ENCONTRO: A Literatura para crianças e jovens. Parâmetros curriculares, Temas transversais e Base Nacional Comum Curricular?
Por meio da investigação detalhada dos parâmetros curriculares nacionais para o ensino fundamental e dos temas transversais, discute-se a Literatura Infantil e Juvenil e sua adequação a essas diretrizes para o processo de aprendizagem da leitura literária e da construção de uma harmônica parceria com a Base Nacional Comum Curricular.

5º ENCONTRO: Literatura para crianças e jovens e novas tecnologias. O que diz a Base Nacional Comum Curricular?
Estudam-se os novos suportes para a literatura destinada às crianças e aos jovens, sua relação com a atividade leitora e novas possibilidades de construção de textos literários acrescidos da interatividade proporcionada pelas novas tecnologias aplicadas ao ensino, um dos principais eixos da Base Nacional Comum Curricular.